24 de novembro de 2016

Com a época festiva a aproximar-se, a Catalyst Global está a celebrar o ano e a trabalhar para aprofundar a sua ligação à comunidade. No dia 12 de dezembro, tirando proveito de ser a maior rede de fornecedores de atividades de teambuilding com 42 empresas por todo o mundo, os parceiros Catalyst Global seguirão o nascer do Sol por todo o planeta, criando a primeira caça ao tesouro empresarial contínua, durante 24 horas, que reverterá a favor da iniciativa de doação global, a B1G1.

Dar é uma ação poderosa tanto para a pessoa que dá, como para o destinatário. Quando damos um presente a alguém, observar essa pessoa a abri-lo faz com que nos sintamos quentes e aconchegados. Pesquisas mostram que as pessoas beneficiam tanto emocionalmente como fisicamente através da ação de dar e de voluntariado. É verdade! Deseja aumentar a sua auto estima, baixar os valores de colesterol ou diminuir o seu IMG? Dê um bocadinho!

“Nós ganhamos a vida com o que temos. Nós fazemos uma vida pelo que damos.”  - Winston S. Churchill

Comportamento pró social refere-se a “ações voluntárias que têm o objetivo de ajudar ou beneficiar outro”. O que nos motiva para sermos pró sociais? Como podemos aumentar esse sentimento para que queiramos dar mais?

A conexão social estimula um comportamento generoso.

Num estudo publicado no International Journal of Happiness and Development, investigadores estudaram como a ligação social ajuda a transformar comportamentos generosos em sentimentos positivos para as pessoas que doam. Ao longo de uma série de três estudos, os investigadores concluíram que doar a uma causa leva a um maior sentimento de felicidade quando o dar promove conexão social.

Faz todo o sentido. Dar é um ato de participação no mundo e nas relações à nossa volta. Dar como um grupo, em vez de o fazermos de forma anónima e individual, faz de nós muito mais felizes.

Esta é uma ótima notícia para empresas que querem impulsionar a felicidade dos seus colaboradores. Tirando partido deste conceito de doação coletiva, através de um programa coerente e genuíno de RSC, é uma solução que só traz vantagens a todos que nela participam. 

Quando os colaboradores participam num programa organizado de doação há, normalmente, um processo de aprendizagem e empenho num grupo. Um estudo recente do Consultancy of Corporate Citizenship revelou que permitir aos colaboradores a participação em iniciativas de doação pode produzir retornos para a empresa, reduzindo os custos em formações.

Provavelmente já ouviu falar em Círculos de Doação. São uma tendência crescente em que pessoas com uma forma de pensar semelhante se reúnem para juntar esforços. Muitas vezes descritos como um cruzamento entre um grupo de leitura e um grupo de investimento, os Círculos de Doação estão a ter um impacto direto nesta noção que dar em conjunto produz grandes sentimentos de recompensa para todos.

Ideias inovadores estão, muitas vezes, mesmo debaixo dos nossos narizes.

Na Catalyst Global, baseados neste e noutros estudos sobre o poder de dar, propusemo-nos a desenvolver uma atividade de teambuilding que maximizasse a alegria da doação em dar em conjunto. Como muitas vezes acontece com ideias inovadoras, a resposta é surpreendentemente simples!

Em dezembro de 2015, a rede de teambuilding da Catalyst Global tornou-se um membro vitalício da Buy1Give1 (B1G1). B1G1 é uma iniciativa global de doação empresarial. Neste programa, 100% das contribuições feitas pelos membros da G1B1 é diretamente passado à sua organização sem fins lucrativos parceira. B1G1 foca-se no impacto de dar às vidas das pessoas, em vez de somas doadas.

Como todos os programas inovadores de teambuilding, a Catalyst Global levou as caças ao tesouro por equipas para o mundo empresarial há mais de 25 anos. Nessa altura funcionava à base da instrumentos simples como um mapa em papel, caneta e bloco de notas. Então, em 2013, com uma parceria com o Bluehat Group, a aplicação de teambuilding Go Team foi lançada. Rapidamente se tornou o programa de escolha dos clientes da Catalyst por todo o mundo e ainda é um líder de mercado.

Ao escrever este artigo estremeço com o receio de que o Go Give seja copiado mas, sendo o líder de teambuilding com 30 anos de experiência, que isso é algo que a Catalyst Global aprendeu a lida. Vejam a percursão empresarial, o Big Picture e as construções com placas de cartão. A lista não para! Tudo ideias originais da equipa de Pesquisa e Desenvolvimento da Catalyst Global. Contudo, se este formato for copiado, o benefício será sempre a favor dos projetos das ONGs!

“A imitação é a forma mais sincera de lisonja...” Oscar Wilde

Através de uma combinação do B1G1 e do Go Team, nasceu o Go Give. No Go Give, os participantes tentam completar tantos desafios quanto possível dentro de um determindo período de tempo. Estes incluem desafios fotográficos, desafios vídeo, perguntas e muito mais! Cada desafio está associado a um projeto B1G1. As equipas escolhem o projeto ao qual gostariam de doar e, assim que completam o desafio, estão a ter impacto direto num de muitos incríveis projetos B1G1.

porquê do Go Team – Go Give

Go Team é uma divertida e inclusiva ferramenta de aprendizagem experimental que tem demonstrado benefícios duradouros tanto como para indivíduos como para equipas. Os participantes praticar e desenvolver ativamente empatia enquanto aperfeiçoam as suas habilidades de trabalho em equipa. O Go Team exige que os participantes parem de trabalhar em várias tarefas, evita distrações e concentra os elementos na tarefa de grupo a ter lugar. Equipas bem sucedidas observam, ouvem, desenvolvem estratégias e comunicam-no a todos os elementos de forma eficaz – todos elementos chave da dinâmica de grandes equipas. A operar em escritórios espalhados por todo o mundo, em várias línguas e com uma variedade de culturas diferentes, a Catalyst Global é uma comunidade apaixonada, unida pelo poder do teambuilding eficiente, funcionando como catalisador da mudança nas vidas de indivíduos e organizações.

Ainda a duas semanas do acontecimento e já estamos em pulgas!

Estamos tão entusiasmados com o primeiro Go Give global! Sim, queremos fazer farte do divertimento que vemos os nossos clientes experienciarem todos os dias, mas é mais que isso: a idéia da quantidade de vidas em que podemos ter um impacto positivo é emocinante.

Então, quando acordarem no dia 12 de dezembro, saberão que algures no mundo, as pessoas que trouxeram até nós o teambuilding vão estar por aí a divertir-se e a experienciar a alegria de dar.

O evento da Catalyst Global Go Give por todo o mundo pode ser seguido nas redes sociais através da hashtag

#GoGiveLikeUs

Considere como a sua equipa pode experienciar a alegria de dar. Go Give juntos. Marquem um Go Give para a vossa organização no próximo evento de teambuilding.

Fontes

Aknin, L.B., Dunn, E.W., Sandstrom, G.M. and Norton, M.I. (2013). Does social connection turn good deeds into good feelings? International Journal of Happiness and Development, 1(2), pp. 155-171. DOI: 10.1504/IJHD.2013.055643

Batson, Daniel C. “Altruism and Prosocial Behavior.”In The Handbook of Social Psychology, 4th ed., edited by Daniel T. Gilbert, Susan T. Fiske, and Gardner Lindzey. New York: Oxford University Press, 1998. ISBN: 0195213769.

Nancy E., Fabes R., “The Relations of Children’s dispositional Prosocial Behavior to Emotionality, Regulations and Social Functioning,”(1996), Dpt of Psychology, University of Nebraska, Lincoln.

Sadler D, Lloyd S., (2007), Neo-liberalising corporate social responsibility: A political economy of corporate citizenship, Department of Geography, University of Liverpool.